Sobre mim

Amigos leitores,

  Chamo-me Luís Telles do Amaral e comecei o Para Lá da Kapa a 22 de setembro de 2016. Desde então, tornou-se uma rotina escrever-vos todos os dias.

  Ora com um pé virado para o universo dos livros, ora com o outro a passar para a realidade do cinema, o blogue é uma ponte que une estas duas dimensões. Ambas precisam de um ingrediente crucial para existirem  O Sonho: 

  Enquanto houver gente a imaginar e a criar, os paraláKensianos (pessoas de aparência comum e com a mente insaciável por novos mundos) continuarão a ter o seu espaço exclusivo ao que de fora se passar. 


Palavra Sagrada de um paraláKensiano